Skip to main content
laboratory

Medicamento à base de maconha tem sucesso contra epilepsia

Medicamento reduziu convulsões em 39% em portadores de síndrome rara. Ações de empresa que criou produto dobram de valor após resultado.

 Um medicamento desenvolvido à base da maconha, pela empresa GWPharmaceuticals para tratar crianças com um tipo raro de epilepsia atingiu bons resultados em um teste. O laboratório espera confirmar os benefícios terapêuticos do medicamento que contem moléculas derivadas da maconha.

Em um teste com 120 pessoas, a redução média do número de convulsões foi de 39%, contra 13% de pacientes tomando placebo, afirma o representante da GW durante uma entrevista para o G1.

A diferença teve significância estatística alta e gerou otimismo com relação ao futuro de vendas da droga, com as ações subindo até 125%.

O Epidolex, que é administrado a crianças na forma de um xarope, passa também por um teste para outro tipo raro de epilepsia chamado síndrome de Lennox-Gastaut, que deve ser concluído neste ano. Testes contra outro tipo de epilepsia, a esclerose tuberosa, devem começar em breve.

A GW tem como o objetivo de capitalizar os benefícios médicos da Cannabis, purificando ingredientes ativos para evitar efeitos psicoativos, ou seja, criando medicamentos que são eficazes sem dar “barato”.

Seu tratamento para esclerose múltipla, o Sativex, que é borrifado sob a língua e distribuído por parceiros de mercado, já conseguiu aprovação regulatória em mais de 20 países, apesar de não ter entrado nos EUA ainda.

Fonte: http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2016/03/droga-base-de-maconha-tem-sucesso-em-teste-contra-epilepsia.html

Compartilhe Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestShare on TumblrShare on RedditEmail this to someone